$100K Dia 28

domingo, fevereiro 24, 2013

Ontem o dia correu mal e não houve grandes resultados.



Mão do dia

Tal como anteontem, vou ter aqui uma mão que acho que é interessante.

AK vs limp

Pré-flop já podemos assumir que o jogador não é muito bom, porque os bons jogadores não fazem open limp do botão tão deep.

O raise foi fundamentalmente para aumentar o tamanho do pot para extrair valor de mãos que estão dominadas.

No flop quando aposto o meu range é AQ+ JJ+ e ele dá-me só call, o que não nos diz muito sobre a mão dele.

No turn eu estou à frente dos draws e atrás dos pares. Apostando penso que não o faço fazer fold a Qx, mas a maior parte das pessoas solta Jx ali e pares mais pequenos.

Portanto, a ideia é fazer ele manter as mãos que estão dominadas (os draws) e fazer fold de algumas das mãos que estão à minha frente (Jx e 22-TT).

Quando chegamos ao river o range dele penso que será Qx, draws e dois pares/sets. Mas é bem possível que ele com dois pares ou melhor já tivesse apostado antes, pelo que desconto um bocado essa parte do range.

Aqui já não tem sentido apostar, que ele se tinha um draw ele faz fold e eu tinha a melhor mão de qualquer forma. Se ele tiver um Q é bem possível que pague e as mãos melhores pagam de qualquer forma.

Então decidi fazer check.

Eu acho que ele faz na maior parte das vezes check behind com Qx, pelo que o que sobra são draws que falharam e monstros que ele não tivesse apostado antes.

Como eu desconto um bocado os monstros e há mais combinações de draws que falharam do que monstros, decidi dar call.

 

Também pode gostar de

2 comentários