Passatempo: Pacote de Coaching

Como agora só dá para jogar Poker online entre Portugueses e os limites jogados acabam por ser mais baixos e com prémios mais pequenos, decidi baixar o preço dos meus Pacotes de Coaching.


Mesmo assim, eu sei que a maior parte dos seguidores não tem possibilidade de adquirir um Pacote de Coaching devido à situação económica do país, pelo que decidi fazer um passatempo para oferecer um pacote ao vencedor!


Como participar?
  1. Gravem um vídeo de com um tempo máximo de 30 segundos.
  2. No vídeo  devem apresentar-se e explicar porque gostariam de ter coaching comigo e em que acham que vos posso ajudar.
  3. Depois deixem um comentário com o link do vídeo no meu post no facebook.
Eu vou partilhar na minha página do Facebook todos os vídeos que respeitem as regras e quem tiver mais Likes na partilha da minha página até dia 14 de Maio ao meio-dia será o vencedor.

O vencedor vai ganhar um Pacote Base no valor de €400.

Regras
  • É necessário ter pelo menos 18 anos para participar.
  • Não serão aceites vídeos com conteúdo desapropriado ou ofensivo de algum modo.
  • Em caso de empate a escolha do vencedor fica ao meu critério.
  • Caso haja algum problema, questão dúbia ou algo que não consiga pensar agora, fica inteiramente ao meu critério decidir como proceder.
O facebook não promove, patrocina ou está de modo nenhum afiliado com esta promoção.

Novo rumo

Imagino que a maior parte dos leitores já tenha lido o post que publiquei no facebook no final de Janeiro, mas deixo aqui de qualquer forma:

Twitch

Como sabem nos últimos tempos dediquei-me ao Twitch, já que a PokerStars estava a apostar na plataforma tal como uma grande parte da industria de gaming e tem um potencial de alcance enorme devido à interactividade e intimidade que proporciona.

Eu tenho alguns talentos, mas não sou grande coisa a entreter e embora seja bom a jogar Poker, não estou perto do nível dos melhores jogadores que fazem stream. A consequência disto é que os meus números na plataforma eram bastante desanimadores... Tinha poucos subscritores e nunca tive uma doação.

Em termos financeiros, o que ganhava por mês no twitch, se calhar equivalia a 1 ou 2 horas de coaching, pelo que simplesmente não compensava e eu também não estava a sentir que estava a crescer ou progredir.

Para além disso, ao estar a jogar durante o stream, eu não estava 100% concentrado no jogo, tinha que jogar menos mesas e acabava por limitar bastante também o dinheiro que ganhava a jogar Poker em si.

Uma coisa que aprendi foi que prefiro trabalhar 12 horas/dia em algo que goste, do que 2 horas/dia em algo que não goste e eu não gostei nada de ter um horário fixo para streaming!

PokerStars

Embora não tenha sido discutido, penso que havia a possibilidade de eu ter continuado a trabalhar com a PokerStars sem ter um horário fixo no Twitch, mas o Twitch muito sinceramente desgastou-me demais.
Em Janeiro ainda estava a negociar o contracto para 2017 e optei por simplesmente não renovar o contracto.

Tem sentido?
Novo rumo

Já mencionei algumas vezes aqui no blog que o meu objectivo nos meus 20s era poder ter liberdade financeira para fazer o que quisesse a nível profissional a partir dos 30, mas o que quero fazer agora que tenho essa liberdade e tenho 31?

Nos últimos 4 meses tenho estado a a fazer "soul-searching", ler livros de assuntos que me interessam (gestão de dinheiro/psicologia) e jogado um pouco de hearthstone

Algo que eu me apercebi recentemente é que é difícil olhar para trás e entender onde é que terminava "o André" e começava "O jogador profissional de Poker".

Claramente o Twitch está na 2ª categoria, mas e o blog, vídeos, redes sociais, etc?

Eu já escrevia este blog antes de jogar Poker mais a sério, aliás, os primeiros posts eram sobre as minhas viagens para campeonatos de Magic: The Gathering!

Escrever e produzir conteúdo penso que seja algo que faz parte de mim como pessoa e se houver uma ou mais marcas a patrocinar-me óptimo, mas eu tenho uma necessidade de escrever regularmente sobre aquilo que faço e penso. É quase terapia para mim! Sinto-me melhor, fico com a mente mais liberta depois dessa partilha e muito sinceramente como uma boa parte da minha geração, sou viciado em feedback, pelo que os vossos comentários são sempre apreciados :P

Ainda estou à procura de alguma paixão para me dedicar 12 horas por dia, mas até lá vou escrevendo aqui no blog para quem estiver interessado!